Segurança na internet: Como se proteger de vírus e hackers?

Blog Justweb – Dezembro de 2018

Preocupado com sua segurança na internet? Deveria! Muitas pessoas acham que não têm nada a esconder e pensam hacker ou agente oculto estaria interessado em uma vida comum ou em suas conta bancária que nem tem tantas riquezas assim?

Mas é aí que você se engana, qualquer dado vazado pode ser perigoso na internet. Não só as senhas de banco são cabíveis de proteção, seu nome completo, cpf, e-mails de trabalho ou até fotos da família podem ser usadas contra você.  Nesse texto você vai entender pra que pode servir seus dados (até os comuns) na mão de hackers e como evitar que eles sejam roubados.

Segurança na internet não é filme de espionagem….

Certo que o governo americano é envolvido em diversos escândalos de espionagem contra seus próprios habitantes, eles desenvolveram operações para coletar dados e já foram acusados publicamente de “grampear” grandes empresas como a microsoft, o google, o facebook e a apple.

Isso fez com vários aplicativos como o Whatsapp, por exemplo, começarem a oferecer encriptação da informação para seus usuários. Sim, as suas mensagens no zapzap estão seguras! Na verdade mais ou menos…. Muitas pessoas não saibam que isso não impede que a mensagem seja invadida antes de ser enviada. Logo, esse texto também vai falar sobre como proteger a navegação no seu celular, certo?

Toda essa coleta de dados feita pelo governo americano só foi possível, em grande parte, porque as empresas já armazenavam as suas informações em algum lugar de forma legal. Situação muito perigosa pois hoje andamos com um aparelho capaz de coletar informações de gastos, o que falamos, com quem falamos, acompanhar cada movimento que fazemos e rastrear todos os lugares por onde passamos, e toda vez que um aplicativo é instalado, ele pede acesso a tudo isso e você dá!

E se os hackers conseguem invadir as grandes empresas, imagine o que eles não conseguem fazer se colocarem um vírus no seu celular ou computador? Então vamos as dicas sobre como proteger seu computador de vírus, e seu celular de hackers!

Como se proteger dos vírus

Bom, esse programinha muito falado por todos ainda é o principal medo daqueles que têm um pc em casa. O vírus nada mais é que algo que, através de um clique e download, se instala. Assim como o vírus normal, de corpo, ele infecta o sistema fazendo várias cópias de si mesmo e tentando se espalhar para outros computadores. Esse pequeno intruso pode vir de várias maneiras, mas a mais comum delas é com a instalação de arquivos infectados ou a execução de algum aparelho externo, no caso de ser um computador.

Dica 1: Olhe por onde anda!

Esse conselho é um bom conselho para se seguir dentro e fora da rede, certo? Na internet, os sites pirataria e/ou pornografia estão ambientes muito perigosos onde tem muita propaganda e costumam enganar as pessoas com links maliciosos. Uma boa dica para você utilizar é verificar se os sites que acessa têm a sigla HTPS no início das suas urls, o Hyper Text Transfer Protocol Secure, que em português significa “Protocolo de Transferência de Hipertexto Seguro”  é a versão mais segura do protocolo de transferência de dados entre redes de computadores na internet. Nesses sites a chance de ter um link malicioso é muito menor.

Dica 2: Mantenha o Windows atualizado!

As atualizações constantes do sistemas operacionais acontecem por uma boa razão. Eles, dentre outras coisas, se preocupam muito com a vulnerabilidade do sistema, assim como os hackers a cada dia que passa desenvolvem vírus melhores e mais resistes. Isso faz com que o computador da sua tia avó, que tem o Windows XP instalado, fique muito mais vulnerável aos vírus programados para trabalhar com a segurança do Windows 10, por exemplo. Deixar o sistema operacional desatualizado é permitir que as brechas encontradas pelos programadores fiquem expostas e sejam exploradas por hackers. Essa dica serve para seus navegadores também, usando o chrome ou o firefox vocês está muito mais protegido!

Dica 3: Antivirus pra que te quero!

Essa parece óbvia mas tem muita gente que não usa esses programas nos seus computadores. Uma vez instalado o papel do antivírus é monitorar os arquivos e portas do seu computador ou do seu smartphone. Com a monitoração tenta identificar códigos maliciosos ou perigosos. Ele faz isso através de um banco de dados do programa que é preenchido com uma espécie de ficha criminal desses vírus que correm soltos no mundo da internet.

Procure recorrer a antivírus confiáveis e, claro, deixá-los sempre atualizados porque isso significa que eles terão mais dados sobre possíveis ameaças ao seu computador. Além disso é importante lembrar que não é recomendado utilizar dois antivírus ao mesmo tempo, uma vez que se acontecer deles vasculharem o mesmo arquivo ao mesmo tempo pode acabar por corrompê-lo.

Dica 4: As senhas e suas derivações

Todo mundo já teve uma senha 123456 para usar naquele aplicativo sem importância, né? Tudo bem tudo bem, provavelmente essa senha já foi acessada por outra pessoa que não você mas tem perdão. O que acontece é que senhas muito fáceis são muito fáceis de serem quebradas!

Não insista em colocar a sua data de aniversário, de casamento ou qualquer um desses marcos importantes isso é perigoso! Principalmente para as contas chave, que são aquelas que você usa para logar em outros programas. A sua conta do google que é associada a seu celular? A conta do facebook que é associada ao seu intagram? Elas são o alvo!

Procure usar senhas que tenham letras e número e usar uma senha diferente para cada serviço! Eu sei que já é bem difícil se lembrar de uma senha só. Mas você pode tentar usar algum código para suas senhas como por exemplo o mesmo número e as letras diferentes. Assim dá para ter um padrão porém não tão fácil como todos iguais.

Exemplo:

Facebook: Fb569874
Google: Goo569874

Instagram: Insta569874

E por aí vai… dá pra colocar o número antes, apenas uma letra indicando o serviço ou qualquer outro padrão que você possa imaginar. Assim já dificulta bem a vida de qualquer um que estiver tentando te espionar!

Não fique com preguiça!

Essa dicas podem parecer bobas mas com certeza você não segue todas elas como deveria. Apesar de serem muitas as providências a serem tomadas para garantir sua segurança, todas são muito importantes e não devem ser negligenciadas. Seguindo essas formas de se proteger na internet você evitará que invasores usem ou divulguem suas informações, e assim, estará garantindo uma navegação muito mais sossegada.

Gostou desse nosso post? Compartilhe com o seu amigo/a ou namorado/a que tem uma senha igual pra tudo! Aproveite e fazer uma publicação constrangedora no seu mural! Aposto que depois desse texto ele ou ela vão ficar muito mais informados sobre segurança na internet.